Shiba Inu

APARÊNCIA GERAL: O Shiba é a mais pequena das raças nativas japonesas de cão e foi originalmente desenvolvido para caça pela visão e perfume no densa vegetação subterrânea das áreas montanhosas do Japão. Alerta e ágil com sentimentos afiados, ele também é um excelente cão de guarda e companheiro. Seu quadro é compacto com músculos bem desenvolvidos. Os machos e as fêmeas são claramente diferentes na aparência: os machos são masculinos sem fraqueza, as mulheres são femininas sem fraqueza de estrutura.
 

Personalidade: Alerta, ativo e atento.

 

Nível de energia: Muito ativo, precisa de exercícios diários, seja uma sessão de brincadeiras ou uma longa caminhada. 
 

Bom com crianças: Sim.

 

Bom com outros cães: Com supervisão.

 

Grooming: Sazonal.

 

Expectativa de vida: 12-15 anos.

Nível de latido: Tranquilo. Late quando necessário.

  • RESUMO HISTÓRICO 

O Shiba Inu, o menor e o mais antigo dos cachorros do Japão, tem estado com os japoneses há séculos. Depois de chegar perto da extinção durante a Segunda Guerra Mundial, esses Shibas restantes eram de três linhagens diferentes. Eles são excelentes cães de guarda e estabeleceram-se como o cão-companheiro número um no Japão. O que é válido é este pequeno cão chamado Shiba primeiro veio ao seu nome aproximadamente na década de 1920. Em dezembro de 1936, através da Lei de Propriedades Culturais, o Shiba foi designado como um produto natural precioso da nação japonesa. Assim, a raça recebeu reconhecimento oficial.

País de Origem: Japão.

COMPORTAMENTO E TEMPERAMENTO: Uma ousadia espirituosa, uma boa natureza e uma franqueza irrelevante, que em conjunto produzem dignidade e beleza natural. O Shiba tem uma natureza independente e pode ser reservado para estranhos, mas é leal e afetuoso para aqueles que ganham seu respeito. Às vezes agressivo em relação aos outros cães, o Shiba está sempre sob o controle de seu manipulador. Qualquer agressão para o manipulador ou juiz ou qualquer timidez aberta deve ser severamente penalizada
 

CABEÇA:

  • REGIÃO CRANIANA 
     

Crânio: O tamanho do crânio é moderado e proporcional ao corpo. A frente é larga e plana, com um ligeiro sulco.

 

Stop: Moderada.

  • REGIÃO FACIAL

 

Focinho: Firme, cheio e redondo com um maxilar mais forte que se projeta de bochechas cheias. A ponte do focinho é reta. Diminui ligeiramente para a ponta do nariz. O comprimento do focinho é 40% do comprimento da cabeça total da ponta do occipital ao nariz.
 

Trufa: A trufa é preta.

Maxilares e Dentes: Mordida de tesoura. Dentes brancos, fortes e com uma mordida de tesoura.

 

Lábios: Apertados e pretos.

 

Expressão: Forte e confiante.

Olhos: São de forma triangular, profundos e inclinados para cima em direção à base externa da orelha. De cor marrom escuro.


Orelhas: Triangulares, firmemente picadas e pequenas, mas em proporção à cabeça e ao tamanho do corpo. As orelhas são bem separadas e inclinam-se diretamente para a frente com a inclinação da parte de trás da orelha que segue o arco do pescoço.

PESCOÇO: É grosso, resistente e de comprimento moderado.

  • TRONCO
     

Linha Superior: É direto e nivelado para a base da cauda.
 

Dorso: Bem desenvolvido.

CAUDA: Espessa, poderosa e é carregada nas costas numa foice ou posição enrolada. É preferida uma cauda solta apontando vigorosamente para o pescoço e quase paralela às costas. É aceitável uma dobra ou foice apontando para cima. Com o comprimento, a cauda atinge quase a articulação do jarrete quando estendida. A cauda é inserida alta.

  • MEMBROS

 

ANTERIORES

Braços: Moderadamente anguladas e aproximadamente iguais em comprimento.
 

Cotovelos: Os cotovelos são ajustados perto do corpo e não giram nem dentro nem fora.

 

Patas: Os pés são semelhantes a gatos com dedos bem arqueados, encaixados firmemente. Almofadas são grossas.
 

POSTERIORES

Jarretes: Jarrete perpendicular.

Pernas: As pernas são longas, diretas e paralelas.
 

PatasOs pés são semelhantes a gatos com dedos bem arqueados, encaixados firmemente. Almofadas são grossas.

  • MOVIMENTAÇÃO: O movimento é ágil, leve e elástico. No trote, o ângulo das pernas em direção a uma linha central enquanto a linha superior permanece nivelada e firme. O alcance avançado ea extensão traseira são moderados e eficiente.
     

  • PELAGEM

Pelo: Revestimento duplo, pelo exterior rígido e reto e o pelo inferior macio. Os pelos da cauda são ligeiramente mais longo e fica aberto em uma escova. É preferível que o Shiba seja apresentado em um estado natural.

  • COR: A cor do pelo é conforme especificado aqui, com as três cores permitidas tendo a mesma consideração. Todas as cores são claras e intensas. Vermelho, preto e castanho (black and tan), sésamo, preto sésamo e vermelho sésamo. Sendo sésamo a mistura igual de pelos brancos e pretos. Sésamo preto mais pelos pretos que brancos. Sésamo vermelho tendo como cor básica o vermelho, misturada com pelos pretos. Todas as cores acima mencionadas devem ter “URAJIRO”. Urajiro são pelos esbranquiçados nas laterais do focinho e nas bochechas, abaixo da mandíbula e do queixo, no peito e estômago, na parte inferior da cauda e na parte interna das pernas.

 

TAMANHO: Machos: 40 cm. Fêmeas : 37 cm

  • FALTAS 

Qualquer desvio em relação a este padrão deve ser considerado como falta e penalizado na exata proporção de sua gravidade e seus efeitos na saúde e bem estar do cão. 

FALTAS DESQUALIFICANTES

 

• Agressividade ou timidez excessiva.

• Todo cão que apresentar qualquer sinal de anomalia física ou de comportamento deve ser desqualificado.

• Cães atípicos.

• Orelhas caídas.

• Cauda pendente ou curta.

• Prognatismo inferior ou superior.

• Numerosa falta de dentes.

Reconhecimento Internacional:

Entidade sem fins lucrativos

CNPJ 26.249.262/0001-88

  • Grey Facebook Icon
  • Veja

Patrocinadores:

centralotima.png