Pumi

RESUMO HISTÓRICO: O Pumi apareceu entre os séculos 17 e 18, na Hungria, através de cruzamentos entre o Pumi primitivo com cães importados alemães e franceses do tipo terrier com orelhas eretas. Foi reconhecido como uma raça independente no começo do século 20.

 

País de Origem: Hungria

 

APARÊNCIA GERAL: É um cão pastor alegre, de tamanho médio, do tipo terrier. Suas características de terrier são mais presentes na cabeça. O focinho é alongado e as orelhas são eretas, com a parte superior dobrada para a frente. A conformação é quadrada. Por causa de sua constante vigilância, seu pescoço é portado mais alto do que normal. A pelagem ondulada de comprimento médio forma cachos. O Pumi pode ser de várias cores, mas deve ter sempre uma cor sólida.

PROPORÇÕES IMPORTANTES

• O comprimento do corpo é igual a altura da cernelha.

• A profundidade do peito é ligeiramente menor do que a metade da altura na cernelha.

• O comprimento do focinho é ligeiramente menor do que a metade do comprimento da cabeça.

• O comprimento do pescoço é igual ao comprimento da cabeça e tem 45% da altura na cernelha.

COMPORTAMENTO E TEMPERAMENTOEste pastor, realmente vivaz, tem um temperamento impaciente. Extremamente corajoso, porém um pouco desconfiado com estranhos. Como resultado de seu comportamento, sensível, de sua vivacidade e de sua expressão, ele atrai sempre a atenção em qualquer lugar. O Pumi é bastante barulhento. Sua aparência por inteiro pede por ação e por causa de sua inquietude e atividade, todas as partes de seu corpo estão constantemente em movimento. Está sempre ativo e pronto para agir. Um Pumi tímido ou calmo é atípico para a raça.

CABEÇA: Relativamente longa e estreita. A forma da cabeça é caracterizada pelo focinho alongado.
 

  • REGIÃO CRANIANA
     

Crânio: O topo da cabeça é relativamente largo e abobadado. A longa testa é ligeiramente abobadada e vista de perfil, é plana. As saliências das arcadas superciliares são moderadamente desenvolvidas.

 

Stop: Apenas visível, o focinho é quase uma linha reta entre as sobrancelhas em direção à cana nasal.

  • REGIÃO FACIAL

Trufa: Relativamente pequena; preta.

Focinho: Não pontudo; cana nasal reta.

Lábios: Bem aderentes aos dentes, de pigmentação escura.

Maxilares e Dentes: Maxilares fortes. Os dentes fortes e bem desenvolvidos são brancos. Regular e completa mordedura em tesoura, de acordo com a fórmula dentária.

Olhos: Inseridos moderadamente afastados, ligeiramente oblíquos. De tamanho médio, ovais, de cor marrom escuro. A expressão é viva e inteligente. As pálpebras são justas e bastante aderentes ao globo ocular e bem pigmentadas.
 

Orelhas: As orelhas eretas são inseridas altas, a terça parte orelhas é dobrada para a frente. De tamanho médio, niveladas, em forma de um “V” invertido. Demonstram reação alerta a qualquer estímulo.

PESCOÇO: De comprimento médio, pouco arqueado, bem musculoso, formando um ângulo de 50º a 55º para a horizontal. A pele da garganta é aderente, seca, sem dobras.

  • TRONCO

Linhas Superior: Reta.

Cernelha: Pronunciada, inclinada em direção a parte traseira.

Lombo: Muito fortemente musculoso e curto

Garupa: Curta, ligeiramente inclinada, de largura média..

Peito: O antepeito é reto, não largo, bastante profundo. Costelas ligeiramente arqueadas, mais para planas. O esterno é profundo, longo e alcança os cotovelos.

CAUDA: De inserção alta, forma um círculo largo sobre a garupa. O pelo debaixo da cauda tem de 7 a 12 cm de comprimento, duro e com pouco subpelo. Não é permitido cão naturalmente anuro ou com a cauda cortada.

  • MEMBROS

 

ANTERIORES: Colocados debaixo do antepeito, sustentam o corpo como colunas. São verticais, paralelos e não muito afastados entre si.

Ombros: A escápula é longa e ligeiramente escarpada. O ângulo com a horizontal é de aproximadamente 55º. As coroas das escápulas são colocadas verticalmente sobre o ponto mais profundo do peito.
 

Braços: Curtos e bem musculosos. A escápula e o braço formam um ângulo de 100º a 110º.
 

Antebraços: Longos, magros.

Patas: Redondas, patas de gato, com unhas bem juntas. As almofadas são elásticas. Unhas fortes, pretas ou em cinza ardósia.
 

POSTERIORES: São muito fortes. Vistos de perfil, são ligeiramente estendidas além do posterior. Vistos por trás, são paralelos e retos, mas nem muito próximos nem muito afastados entre si.

Jarretes: Magros, com contornos bem definidos.

Patas: Como as anteriores. Ergôs não são desejados.

MOVIMENTAÇÃO: Viva e animada. Passos curtos, enérgicos, dinâmicos, harmoniosa. A postura é corajosa e orgulhosa. O trote é ligeiro e harmonioso. O cão coloca suas patas posteriores exatamente nas marcas das patas anteriores
 

  • PELAGEM

 

Pelo: A pelagem ondulada e cacheada forma tufos e não é nunca lisa ou encordoada. Tem um comprimento médio de 4 a 7 cm, crescendo para os tufos menores ou maiores; são elásticos, felpudos e densos. A pelagem consiste em um forte mas não grosseiro pelo de cobertura e em um subpelo macio. Os pelos densos de arame, de tamanho médio que protegem as orelhas crescem para cima. Os olhos e o focinho não têm pelos longos. O acabamento desejado da pelagem é feito a mão através de trimming. Pequenas correções feitas em tesoura na cabeça e nas pernas são permitidas. Não é desejado um pelo totalmente preparado à tesoura

  • COR:
     

  1. Cinza em várias tonalidades (normalmente ao nascer, a cor é preta, tornando-se cinza com o tempo.
     

  2. Preto
     

  3. Fulvo. Cores básicas: vermelho, amarelo, creme (uma faixa preta ou cinza e uma distinta máscara, são desejadas).
     

  4. Branco 

TAMANHO: Machos: 41 cm a 47 cm 

                      Fêmeas: 38 cm a 44 cm 

  • FALTAS 

 

Qualquer desvio dos termos deste padrão deve ser considerado como falta e penalizado na exata proporção de sua gravidade e seus efeitos na saúde e bem estar do cão e seus efeitos na saúde e bem estar do cão.

  • FALTAS DESQUALIFICANTES
     

• Agressividade ou timidez excessiva.

• Todo cão que apresentar qualquer sinal de anomalia física ou de comportamento deve ser desqualificado. 

• Cabeça redonda, tipo Puli. Focinho mais curto do que 40% do total comprimento da cabeça.

• Stop: Profundamente definido.

• Uma ou mais falta de dentes, (incisivos, caninos, pré-molares 2-4, molares 1- 2). Mais do que dois PM1. Os M3 não devem ser considerados.

• Prognatismo superior ou inferior, torção de mandíbula.

• Orelhas completamente eretas. Orelhas pendentes desde a base ou portadas irregularmente.

• Pelo curto e liso. Longo, muito feltrado, emaranhado ou opaco.

• Cor chocolate, pelagem de várias cores. Manchas uniformes claramente definidas (como marcas castanhas, manchas em forma de manto).

• Tamanho acima ou abaixo dos limites estabelecidos pelo padrão.

  • NOTAS

 

• Os machos devem apresentar os dois testículos, de aparência normal, bem descidos e acomodados na bolsa escrotal.

• Somente os cães clinicamente e funcionalmente saudáveis e com conformação típica da raça deveriam ser usados para a reprodução.

Reconhecimento Internacional:

Entidade sem fins lucrativos

CNPJ 26.249.262/0001-88

  • Grey Facebook Icon
  • Veja

Patrocinadores:

centralotima.png